As Unidades de Pronto Atendimento 24h de Campina Grande realizaram juntas 79.841 atendimentos no primeiro semestre de 2018. Foram 42.460 procedimentos da unidade do Alto Branco e 37.381 da unidade do Dinamérica.

Os casos de clínica médica continuam sendo a maioria entre o número de atendimentos. A UPA Dr. Maia, do Alto Branco, também realiza atendimentos de pediatria e ortopedia. As duas UPAs têm setores de classificação de risco para definir as prioridades de atendimento e os casos mais simples.O mês com o maior número de ocorrências, nas duas unidades hospitalares, foi maio. Naquele período as viroses sazonais, em decorrência da mudança do tempo, acometeram boa parte da população.

A UPA Adhemar Dantas, do Dinamérica, começou a funcionar em novembro de 2017. Os atendimentos mensais passavam dos 1 mil procedimentos e foram crescendo progressivamente até passar dos 7 mil por mês.

“A abertura da UPA do Dinamérica desafogou a UPA do Alto Branco e também favoreceu toda a população da zona oeste e zona sul da cidade, que não precisa mais se deslocar até a outra extremidade para ter acesso aos serviços. Readequamos toda a estrutura do prédio e fizemos um criterioso processo seletivo antes de iniciar o funcionamento da UPA para que ela pudesse dar esse suporte à rede hospitalar da cidade com eficiência como está acontecendo”, disse a secretária de Saúde Luzia Pinto.

Fonte: Codecom

Edição:Thais Oliveira

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here